Hélio Eichbauer

Hélio Eichbauer é cenógrafo e nasceu no Rio de Janeiro, em 1941. Entre 1962 e 1966 estudou com o renomado cenógrafo Josef Svoboda, em Praga, na Tchecoslováquia, atual República Tcheca. Em 1965 acumulou alguns estágios por países ds Europa, como Alemanha, França e Itália. Entre seus principais trabalhos está O Rei da Vela, em 1967, com a direção de José Celso Martinez Corrêa.

Seu trabalho serve como exemplo para vários cenógrafos, pois renovou a cenografia brasileira com suas ideias arrojadas. Hélio modificou os recursos usados, propondo a metáfora, a livre interpretação e o papel autoral na concepção artística do espetáculo. Levou também suas criações a outras áreas artísticas, como vídeo e cinema. Ensinou cenografia em diversas universidades e escolas de teatro. É cenógrafo de artistas como Caetano Veloso e Chico Buarque e trabalhou em importantes montagens de peças nacionais e estrangeiras como Álbum de Família, O jardim das cerejeiras e Fedra.

 

 

Livros deste autor